banner

Salto Barão do Rio Branco

Continuando o nosso roteiro no município de Prudentópolis- PR, a Terra das Cachoeiras Gigantes, visitamos o Salto do Barão do Rio Branco, 64 metros de altura, e grande volume d’água.

barao do rio branco cachoeira pruentopolis

64 metros de imponência e grandiosidade!

O Salto Barão do Rio Branco é utilizado para a geração de energia elétrica, através de uma Pequena Central Hidrelétrica, de propriedade da “Santa Clara Indústria de Cartões”.

Depois do Salto Manduri, é a cachoeira é a mais próxima do portal de entrada do município. O acesso é pelo topo da cachoeira, onde estacionamos os carros junto às ruínas de uma fábrica antiga.

prudentopolis barao do rio branco cachoeira

Estacionamento entre as ruínas de uma antiga fábrica. 

Lá em cima, há dois mirantes: um que nos possibilita ter a visão do salto bem de perto, e outro de onde podemos observar o cânion do Rio dos Patos.  

nós dois por ai prudentópolis

Mirante 1: de onde podemos observar o Salto Barão do Rio Branco e toda a sua imponência bem de perto!

nós dois por aí prudentopolis

Mirante 2: vista do Cânion do Rio dos Patos

Para chegar à base da cachoeira, é preciso descer uma escadaria de 478 degraus. Até parece cansativo, mas é muito tranquilo, de verdade! Já levamos os nossos pais e os nossos filhos, Kalel e Victória, de 6 anos, ao atrativo, e foi super de boa!

prudentopolis

Na subida de volta, uma parada para foto é bem vinda! kkk

prudentopolis

A primeira vez que visitamos o Salto Barão do Rio Branco foi com os nossos amigos, Kiu e Moska, que toparam a aventura!

prudentopolis barao do rio branco

A segunda vez que visitamos, levamos a Vic e o Kalel! Achamos que eles estão pegando gosto por cachussss!

As crianças gostam de se divertir nas inúmeras “piscininhas” formadas entre as pedras.

COMO CHEGAR

Na BR-373, passar da entrada de Prude, e seguir sentido Ponta Grossa. Depois de aproximadamente 9 Km, você passará por cima do Rio dos Patos, que é o mesmo rio do Salto em que queremos chegar. Haverá uma enorme placa na BR sinalizando a entrada à esquerda para a estrada de chão que levará ao Salto Manduri e Barão do Rio Branco. Todo o percurso é bem sinalizado e não tem como errar! A estrada também está em ótimo estado de conservação, sem buracos.

O QUE LEVAR NA MOCHILA

Protetor solar, repelente de mosquitos, toalha, lanches leves, bebidas refrescantes (lembrando que bebidas alcoólicas e aventuras não combinam), máquina fotográfica, disposição e muita energia positiva para que o Sol esteja lá, brilhando com toda intensidade. Com certeza este programa será memorável para você, sua família e amigos.

prudentopolis

Vencendo a água gelada, dá pra dar uma boa relaxada entre as pedras do Salto Barão do Rio Branco

prudentopolis

O cenário é propício a uma foto de ilusão!

ATENÇÃO E CUIDADO!

Com a natureza não se brinca! No local, há uma placa de advertência que uma família pendurou após perder o filho, um jovem engenheiro, que acaba servindo de alerta aos visitantes!

–Não tente pular ou nadar embaixo da cachoeira, pois você nunca sabe por onde passam os repuxos e as correntezas.

–Contente-se em apreciar a queda d’água, tomar um banho na beira do rio, armar um piquenique, fazer um lanche saudável, bater um papo e relaxar. Aproveite para se desligar da rotina, dos problemas, do trabalho e, é claro, tire muitas fotos para eternizar aquele momento.

–Apesar de o lugar ter um excelente potencial para rapel e rafting, vá com uma equipe especializada e conhecedora da região.

–Não pode acampar no local, até porque o terreno é pedregoso, inviável para armar barracas.

DICA IMPERDÍVEL DE PARADA OBRIGATÓRIA

Na ida aos Saltos Manduri e Barão, paramos para almoçar no Chalé Colonial Costenaro, o qual fica na BR-373, Km 262,5, Rio dos Patos, Prudentópolis, logo depois do portal de entrada da cidade.

O “chalezinho”, como é popularmente conhecido, é um must-stop, queridinho dos motociclistas e dos viajantes, e o motivo será facilmente identificado assim que você experimentar as comidas típicas disponíveis. Vale a pena provar o melhor pão de queijo da região, recheado ou não com hambúrguer, queijo ou cracóvia, acompanhado de um suco de uva integral bem saudável.

Também tem produtos produzidos no “quintal de casa”, tendência internacional dos grandes chefs, os quais priorizam e valorizam os produtores de suas regiões. Daí, você pode fazer uma comprinha básica para levar para casa: cracóvia, vinhos e queijos, compotas, doces e outros alimentos fresquinhos.

Para o almoço propriamente dito temos duas opções: o Buffet por quilo ou rodízio de carnes. Mas, lembre-se de não comer demais antes de se aventurar!

LEIA MAIS CACHOEIRAS EM PRUDENTÓPOLIS:

Recanto Perehouski

Saltos Mlot e São Sebastião

Comentários